Buscar
  • Dr Motta

Como surgiu a Cama Odontológica? De dentista para dentista

Sempre me fazem a pergunta: Como surgiu a cama odontológica? Muitos imaginam que o caminho para a inovação é a epifania. Você está sentado no sofá distraído e de repente, Puff! Pessoal, Harry

Poter, só na ficção!

A resposta é um pouco mais complexa e sem tanto glamour. Tem a ver com pensamento cientifico, repertório e muito trabalho.

Para quem não me conhece, sou Cirurgião Dentista formado pela USP, Professor, Pesquisador, Ortodontista e Cofundador da Cyon e da Ubdent.

Sempre tive contato com criação. Não só a mental, mas o processo de colocar imagens mentais em tábuas e acrílicos. Com 8 anos construí um veleiro com o incentivo do meu pai, que era engenheiro. Por 15 anos lecionei física, matemática e química com meu método de ensino. Na faculdade, diferente dos meus colegas de sala que anotavam a matéria, eu anotava hipóteses, desenhava, rabiscava e escrevia sem compromissos com a realidade, sem certo e errado, mas com um embasamento técnico cientifico. Isso me levou a fazer parte de um grupo de inovação, onde criamos propostas para melhorar a odontologia.

Assim, quando me formei e montei meu consultório, me deparei com um pesadelo. Meus dias eram muito cansativo e doloroso, mas o que mais me marcou foi a cara dos meus pacientes. Tinha me formado com o objetivo de contribuir e trazer felicidade para quem eu estava atendendo, mas eu via em seus rostos muito medo, desconforto e seus corpos querendo fugir daquele ambiente. Algo precisava ser feito!

Então comecei a revisar e ler diversos artigos científicos para entender qual a fonte das dores e qual a fonte do desconforto dos meus pacientes. Estudando, entendi que na prática clínica a origem do problema era a posição do paciente, a posição que a cadeira odontológica fornecia. Assim fiz um exercício mental:

Se a gravidade não importasse, se o equipamento não importasse, se o dentista e se paciente estivessem no espaço, qual a melhor posição relativa no eixo x, y e z?



Foi sentado em um sofá, com um estojo na minha frente e meu caderno de ideia, desenhei diversas posições até chegar em uma possibilidade muito interessante. O paciente deitado de lado e o dentista sentado na posição de escritório. Uma mudança de paradigma: agora quem mexe é a cabeça do paciente e não mais o dentista e o equipamento.

Assim, construí com meu pai o primeiro equipamento que permitiria uma acomodação adequada do paciente de lado. Foi criada a primeira cama odontológica, a versão 1.0. A partir daí, os artigos científicos, livros e as diversas melhorias no equipamento.

Com meu sócio, criamos a empresa Cyon para oferecer essa grande solução, não só no meu consultório, mas também para todos os dentistas do mundo.

Esse é a odontologia lateral e a cama odontológica, criada por um dentista para os dentistas!


65 visualizações

Todos os direitos reservados.

 CNPJ: 27.818.760/0001-67

São Paulo-SP  

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube